Home / Destaque / Projeto Detecta é apresentado a entidades do Forcis em Jundiaí
Reunião detcta

Projeto Detecta é apresentado a entidades do Forcis em Jundiaí

Representantes de entidades que fazem parte do Forcis (Fórum Regional de Comércio, Indústria e Serviços de Jundiaí e Região) conheceram, nesta sexta-feira, detalhes do Projeto Detecta, sistema inteligente de monitoramento que concentra todas as informações criminais do Estado.

Durante a reunião, realizada na sede da Associação Comercial Empresarial de Jundiaí (ACE Jundiaí), o presidente Elton Monteiro explicou que a entidade é a primeira de classe a assinar este convênio no Estado e reforçou a importância da participação de todos na execução do projeto no município. “O fato de a ACE estar à frente proporciona alguns diferenciais, como: rapidez na tomada de decisão e implantação, capacidade de capilaridade e excelente custo benefício”, disse. “Como a Prefeitura também assinou o convênio com o Estado e deve compartilhar,  em breve, sua base de dados, podemos ter uma sinergia importante, possibilitando a maior eficiência com menor custo e, ainda, unir as forças de segurança pública com a iniciativa privada.”

Outro diferencial do projeto da ACE é a possibilidade de funcionamento em fachadas, sem identificar que é um aparelho ligado diretamente ao maior banco de dados criminais da Polícia Militar. No projeto da Associação Comercial também existe a intenção de expandir a tecnologia do Sistema a aparelhos de celular. “Serão múltiplas aplicações e não só no comércio. Estamos conversando com outros setores e para viabilizar a instalação em locais como condomínios e centros comerciais.”

Durante a reunião as entidades foram orientadas de como podem aderir ao projeto. Uma das possibilidades é a doação de tecnologia, ou seja, compram as câmeras, doam à ACE e as forças policias definem o local de instalação. Também podem fornecer infra-estrutura, permitindo a instalação de câmeras na fachada do imóvel e cedendo o link para internet. Uma outra alternativa é a adesão ao sistema Detecta, usando câmeras de monitoramento já existentes.

“É um projeto muito interessante: o próprio cidadão participa de sua segurança”, disse Célia Benassi, representante do Proempi – Assoc. das Empresas e Profissionais do Setor Imobiliário de Jundiaí e Região. “Agora vamos levar ao conhecimento de associações de bairros para fortalecer a segurança em diferentes regiões da cidade.”

Além do projeto Detecta, Elton também anunciou durante a reunião que a ACE Jundiaí está em processo de implantação do Impostômetro para que a população acompanhe, em tempo real, a arrecadação de tributos municipais e, consequentemente, cobre do poder público mais eficácia na gestão do dinheiro arrecadado.

 

 

 

 

 

 

 

Eleições 2018

Outro tema na pauta da reunião foi Eleições 2018 e como as entidades vão trabalhar a divulgação de ideias e projetos dos candidatos. A intenção é informar e sensibilizar a população da importância da participação consciente no processo eleitoral.

Durante a reunião do Forcis, a coordenadora do Observatório Social Jundiaí (OSJ), Marcela Cascaldi, e a gestora Bruna Quirino apresentaram dados do 3º Relatório Quadrimestral do Observatório Social Jundiaí (OSJ) e um panorama geral das licitações acompanhadas neste período.

Este mesmo relatório será apresentado por elas no dia 18 de junho, às 19h, na sede da ACE, em evento gratuito e aberto ao público.

 

Leia também

Festa do Morango (2)

35ª Festa do Morango de Jarinu/Atibaia começa neste sábado, 23

Tem início neste sábado, dia 23, às 9 horas, a 35ª edição da Festa do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com