Home / Opinião / Rodrigo Godoi: “O que é um plano de marketing?”
arte artigo-opiniao

Rodrigo Godoi: “O que é um plano de marketing?”

RODAnualmente, observamos empresas que não tiveram grandes resultados com as estratégias de marketing desenvolvidas por seus colaboradores. Isso acontece porque muitas vezes essas empresas não investem em um bom Plano de Marketing. Esse plano é o ponto crucial para o bom desenvolvimento de ações de sucesso.

O Plano de Marketing é um “gameplan” elaborado de ações de Marketing Digital para trabalhar durante os próximos 365 dias.

Nele, estão inclusas todas as estratégias de marketing que serão desenvolvidas pelo time, além da periodicidade de execução e do budget para cada uma delas.

O Plano de Marketing, normalmente, é desenvolvido juntamente com o orçamento de marketing, pois é preciso ter em mente qual o possível valor de investimento da empresa para aquele ano de ações. Dentro desse orçamento, precisamos ter em mente tudo que será necessário para manter a estratégia rodando: contratação de profissionais capacitados, terceirização de conteúdo ou outros serviços, contratação de ferramentas de monitoramento e automação de marketing, além de budget separado para estratégias de mídia paga e de testes A/B em anúncios e e-mail marketing.

Qual a importância de um plano de marketing?
O Plano de Marketing precisa ser criado por inúmeros motivos. Quando uma empresa tenta investir em marketing durante o ano sem ter um bom plano como base, fica difícil alcançar todos os resultados esperados. Isso acontece porque os objetivos e os resultados esperados não estão muito bem definidos, tampouco o cronograma de ações para alcançá-los.

Um bom Plano de Marketing permite que as empresas tenham uma visão mais ampla de ações, o valor do investimento em cada uma delas e como elas podem auxiliar no objetivo final. Além disso, é possível encontrar uma certa flexibilidade dentro do documento.

Um dos benefícios do Marketing Digital é que ele permite uma mensuração de resultados mais frequente. Com base nisso, conseguimos levantar precisamente qual das ações de marketing tiveram maior resultado naquele período analisado (mês ou trimestre). A partir daí, conseguimos mudar os próximos passos com base no período anterior. Por exemplo, vamos imaginar que sua empresa investiu em mídia paga e em marketing de conteúdo para gerar tráfego para o seu site. Quando mensuramos o resultado, observamos que a mídia paga leva a mesma quantidade de visitas para o seu site que o marketing de conteúdo. Será que vale a pena continuar com esse investimento? A resposta é: não! É necessário ter uma visão mais a longo prazo e reduzir os investimentos em mídia paga nesse momento. Isso porque o marketing de conteúdo gera tráfego de forma bem mais barata que o investimento em mídia paga, além de ser uma fonte eterna de visitas para seu site.

Nesse caso, o recomendado é aproveitar a flexibilidade do Plano de Marketing Digital e fazer um balanço dos investimentos para o próximo período: reduzir os investimentos em mídia paga e aumentar o investimento em marketing de conteúdo.

Assim, conseguiremos aumentar o número de visitas naquele período de forma mais barata e com conteúdo evergreen de qualidade. A flexibilidade dos investimentos em marketing digital no Plano de Marketing serve justamente para otimizar as ações que serão realizadas.

Rodrigo Godoi é Administrador, Pós-graduado em marketing e MBA em Gestão de Negócios. Diretor na Agência Lineup, agência focada em desenvolvimento de sites, mídias sociais e posicionamento no Google.

Leia também

arte artigo-opiniao

Filipe Daniel Martins de Oliveira: “Responsabilidades do fornecedor”

Apesar da presença do Código de Defesa do Consumidor nos estabelecimentos comerciais e de prestação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com