Home / Cultura / Volta às aulas: cuidados facilitam a adaptação das crianças
Ronda escolar

Volta às aulas: cuidados facilitam a adaptação das crianças

A volta às aulas é um período de adaptação para as crianças, sejam elas marinheiras de primeira viagem ou veteranas, que começam numa nova turma ou escola. A rotina muda para as crianças e para a família também. O tempo de adaptação varia de uma criança para a outra, por isso, com alguns cuidados básicos é possível tornar esse momento mais agradável e tranquilo.

Dr Saulo

De acordo com Dr. Saulo Duarte Passos, médico pediatra do Hospital Universitário (HU) de Jundiaí, organizar o relógio biológico é o primeiro passo. “É importante que os pais façam uma transição na vida da criança. Dias antes de voltar às aulas, os pais devem colocar a criança para dormir um pouco mais cedo e a acordar pouco antes. Assim o organismo já vai se acostumando. O mesmo é válido para os horários das refeições, que devem seguir o horário mais próximo daqueles que a criança fará quando estiver em aula”, orienta.

Lancheira

A alimentação na escola requer alguns cuidados para garantir a qualidade dos alimentos mesmo depois de algumas horas fora da geladeira. “No verão é preciso ter mais cuidado com os alimentos por conta da deterioração que é mais rápida. Além disso, é preciso ter cuidado com a higiene dos alimentos, lavando com água corrente e sabão e tendo o cuidado de lavar bem as mãos antes de manuseá-los. Se puder levar para a escola em uma bolsinha térmica, melhor ainda”, sugere o médico.

O cardápio da lancheira deve ter a mesma premissa das refeições principais. “Procurar uma dieta variada e colorida, incluir frutas e até mesmo legumes, costume que não é muito comum aqui no Brasil. As cenourinhas e alimentos similares são ótimas opções. As restrições são as guloseimas e doces, que são calorias vazias que só vão engordar as crianças sem trazer nenhum benefício”, alerta.

Mochila

Com relação à mochila, Dr. Passos diz que o ideal são aquelas com rodinhas, mas caso a preferência sejam as de apoiar nas costas, é preciso que estejam bem ajustadas e respeitem o limite de 5% do peso da criança no ensino infantil e no máximo 10% do peso da criança após esta fase. “Também é importante que se coloque na mochila apenas os itens que serão usados no dia, evitando peso desnecessário”, comenta.

Vacina

Um ponto importante que Dr. Passos faz questão de ressaltar é manter a carteirinha de vacinação das crianças em dia. “Estar com todas as vacinas em dia é premissa básica para garantir a saúde da criança dentro e fora da escola. Hoje temos falado muito das arboviroses, que são doenças transmitidas por insetos, como por exemplo dengue, zika vírus, febre amarela e chikungunya, e as crianças precisam estar protegidas”, destaca. O médico também orienta que ao passar repelente nas crianças, não se deve passar nas mãos, uma vez que frequentemente levam as mãos à boca.

Apoio psicológico

Os pais devem apoiar e estimular a participação da criança na vida escolar. É importante valorizar a escola, os professores, destacar o quanto o aprendizado faz diferença para que a criança tenha um bom futuro, ressaltar o convívio com os amigos e outros pontos positivos.

Leia também

jarinu secretária PREFIS

Prefeitura de Jarinu concede redução de 100% em multas e juros de débitos municipais

Os contribuintes que estão em débitos com a Prefeitura de Jarinu poderão quitar seus impostos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com