Home / Destaque / Negociação Coletiva 2018: Metalúrgicos entregam pauta de reivindicações aos grupos patronais

Negociação Coletiva 2018: Metalúrgicos entregam pauta de reivindicações aos grupos patronais

Representantes dos 54 sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo (FEDMETALSP) estiveram na FIESP, em São Paulo na quinta-feira (27) para encaminhar a pauta de reivindicações da categoria metalúrgica aos representantes dos grupos patronais. As 186 cláusulas que compõem a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), bem como a reposição da inflação – que oscila em torno de 3,25% – e o aumento real, são as pautas defendidas por sindicalistas e trabalhadores do setor metalúrgico na Negociação Coletiva 2018. “Estamos entregando uma pauta de reivindicações que foi elaborada com base nos diálogos feitos ao longo dos Encontros Regionais, que realizamos com as bases metalúrgicas de todo Estado de São Paulo. Sabemos das dificuldades que iremos enfrentar, ainda mais em um cenário com cerca de 14 milhões de desempregados e novas leis trabalhistas. O principal ponto envolve o negociado sobre o legislado, e teremos que usar isso ao nosso favor para defender a integridade da categoria “,  explicou Eliseu Silva Costa, presidente da FEDMETALSP e do Sindicato dos Metalúrgicos de Jundiaí, Várzea e Campo Limpo, destacando que os sindicalistas continuarão mobilizados durante as negociações. “Os companheiros serão informados sobre os tramites da Negociação Coletiva através do site, dos boletins, das assembleias e dos diretores de base presentes nas empresas”, salientou.

Leia também

covid

Jundiaí registra quatro óbitos por Covid-19 nesta quinta (23)

A Prefeitura de Jundiaí informou que registrou nesta quinta-feira (23), mais quatro mortes pela doença. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com