Home / Destaque / Famílias são retiradas de lista para receber casas em conjunto habitacional de Campo Limpo Paulista

Famílias são retiradas de lista para receber casas em conjunto habitacional de Campo Limpo Paulista

Várias famílias foram retiradas da lista de contempladas para receber uma casa em um conjunto habitacional que será inaugurado em Campo Limpo Paulista (SP). Segundo eles, tudo ocorreu de última hora.

O pedreiro Edvaldo dos Santos já fez vários cadastros para participar dos sorteios e receber uma casa. Ele está na fila há mais de 20 anos e pensou que desta vez poderia concorrer a uma das 127 casas do conjunto habitacional no bairro Conquista. Mas, há dois meses, recebeu a notícia de que havia sido excluído da lista.

“Eu acho isso uma ‘cachorrada’! Tanto tempo que eu moro de aluguel, queria sair do aluguel, mas não tem jeito. Vou ficar esperando outra oportunidade”, lamenta.

De acordo com as famílias, pelo menos 30 pessoas foram retiradas da lista para receber as casas. Para alguns, a informação é que agora não estão dentro das exigências para participar do financiamento social.

Daniel César Baía e Jane Baía também fizeram planos para mudar de endereço. Em julho, a família foi chamada para entregar os documentos. Estava tudo certo e, um mês depois, tudo mudou.

“A gente está cumprindo com todas as exigências da CDHU e agora eles disseram que não vão mais nos dar a casa. Então a gente quer saber por quê. Por que a gente foi excluído se a gente se enquadrava neste perfil que a CDHU pediu para entregar as casas?!”, questiona o eletricista.

Jane foi até a prefeitura para tentar entender o motivo do descredenciamento para pegar a casa e gravou a conversa. Ela pede para a funcionária os documentos que apresentou e não tem cópia. Em seguida, é indicado que ela faça um protocolo.

– Por isso que tem que ser feito o pedido no protocolo, porque esse registro que você está pedindo e porque você está pedindo que eu estou te entregando.

A família fez uma reclamação no Ministério Público. “A gente fica desolado, porque a gente também tem família. Não é porque uns pagam aluguel, uns moram na casa de parentes que quer viver a vida inteira pagando aluguel ou morando de favor, sendo que foi prometido para a gente as casas”, lamenta a estudante.

A Prefeitura de Campo Limpo Paulista disse que as famílias foram indicadas pela administração anterior e que elas não estavam dentro dos critérios da CDHU, como não ter outro imóvel, estar em situação de vulnerabilidade ou então morar em áreas de risco. Por isso, a lista teve que ser atualizada com famílias que correspondiam às exigências.

Procurado para falar sobre o assunto, o ex-prefeito José Roberto de Assis, mas ele não foi encontrado.

A CDHU disse que as casas são destinadas a famílias que moram em área de risco e que a prefeitura é que é responsável pela indicação dos novos moradores.

O Ministério Público ainda não respondeu sobre como está o andamento da representação dos moradores.

(Fonte: G1)

Leia também

Floral 2

Estampa Floral: A Tendência que é a Cara da Primavera

Assim, uma tendência volta sempre com força para nosso armário: a estampa floral. Delicada e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com