Home / Tecnologia / Firefox terá proxy embutido e bloqueio de rasteramento de redes sociais

Firefox terá proxy embutido e bloqueio de rasteramento de redes sociais

O site Soeren teve acesso a uma versão Beta do Firefox que traz vários recursos inéditos para melhorar a segurança e privacidade online dos usuários. A Mozilla já vem, há algum tempo, demonstrando interesse em oferecer um Firefox que proteja mais a navegação dos usuários do que fazem os seus concorrentes, mas, de acordo com esta beta do navegador, a empresa pretende dar um passo adiante.

Desta vez, as mudanças se estendem à interface do aplicativo para que as novas implementações de segurança sejam apresentadas de forma mais direta e organizada. Entre os novos recursos, destacam-se o Firefox Proxy, o bloqueio de rastreamento de redes sociais e os relatórios de proteção.

Tudo começa na interface
Atualmente, o Firefox possui um ícone com um “i” ao lado de um cadeado logo no início da barra de endereços. Este “i” será removido e um escudo entrará em seu lugar. Ao clicar sobre o escudo, o usuário terá acesso a uma espécie de “painel de segurança e privacidade”.

1

Através do novo painel, será possível configurar e visualizar as opções de rastreamento sem necessidade de acessar as configurações gerais do navegador. Elas serão disponibilizadas da seguinte forma:
– Proteção de rastreamento (habilitar/desabilitar);
– Site que não funciona com sugestões de reparo e opção para reportar o erro;
– Elementos bloqueados e os não bloqueados, com possibilidade de fazer alterações;
– Informações sobre o que não está sendo bloqueado;
– Link para configurações de proteção;
– Link para o novo relatório de proteção.

Já o ícone do cadeado assume função própria, com informações sobre a conexão e as permissões do site.

Os novos recursos
As três principais funções apresentadas pela versão Beta são:
– Bloqueio de redes sociais – Esta função vai permitir que o usuário bloqueie sites de redes sociais de rastrear suas informações, o que poderá desabilitar algumas formas de interações com os sites. No entanto, o usuário ainda poderá permitir o rastreamento temporariamente, caso estas interações sejam essenciais;
– Relatórios de proteção – O Firefox vai exibir o número de rastreadores bloqueados por dia da semana e separados por categorias, além de informações do Monitor e do Lockwise, que servem, respectivamente, para notificar sobre violações em contas de email e gerenciar senhas;
– Firefox Proxy – Quando o usuário acessar a internet por uma rede pública, o Firefox vai sugerir o uso do proxy para incrementar a segurança.

Vale lembrar que estas mudanças ainda estão sendo testadas e podem sofrer alterações antes de chegar a uma versão finaldo navegador da raposa.

(Fonte: TechMundo)

Leia também

Várzea Paulista: inscrições abertas para aulas nos Telecentros. Matriculas serão realizadas de 08 a 10 de fevereiro

Matriculas serão realizadas de 08 a 10 de fevereiro, para seis cursos gratuitos de informática …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com