Home / Polícia / ‘FOI PRA ROÇA!’: ‘AGRICULTORES’ DE MACONHA com milhares de SEGUIDORES são presos pela Dise
estufa 3

‘FOI PRA ROÇA!’: ‘AGRICULTORES’ DE MACONHA com milhares de SEGUIDORES são presos pela Dise

Fábio Estevam / Em operação contra ‘roças de maconha’, realizada nesta terça-feira (26), em Jundiaí, policiais da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) prenderam dois homens, por tráfico de drogas, ao encontrar em suas casas, nos bairros Vila Progresso e Medeiros, estufas artesanais para cultivo da droga, além de vários pés da erva e outros indícios de produção e tráfico.

estufa 2

Coordenados pelo delegado Marcel Fehr, os tiras vinham investigando denúncias de que, nestas duas casas, funcionavam palcos para o cultivo da planta. Durante apuração, foi possível descobrir que os ‘agricultores’ faziam, inclusive, propaganda de seus produtos na rede social Instagram, onde um dele conta com 36 mil seguidores.

VILA PROGRESSO

Nesta manhã os policiais ‘caíram pra dentro’ e descobriram duas estufas, com 12 vasos com pés de maconha, que pesaram 5 kg. Também foram achados 28 frascos de vidro com a erva em fase de secagem, pesando 10 kg. Esses frascos estavam rotulados com informações do tipo da erva, inclusive mencionando ‘sabor’ e outras características.

estufa 1

Havia também 20 embalagens com sementes importadas, assim como 32 já usadas, indicando que as sementes já haviam sido plantadas.

O homem, que não tem antecedentes criminais, está desempregado há quatro anos, o que, para a Dise, reforça a situação de que ele se sustentava com a venda do entorpecente.

MEDEIROS

Dando continuidade na operação, na parte da tarde, os agentes prenderam mais um, agora no Medeiros. De acordo com o delegado Marcel Fehr “ele também explora o Instagram, com um perfil com acesso restrito. Na casa dele havia estufa idêntica à da outra residência, onde estavam sendo cultivados sete vasos com pés da droga, que pesaram 7,5 kg”, disse.

estufa medeitros 1

Em um guarda roupa estavam escondidos 26 potes contendo 15,3 kg de maconha, além de 200 sementes. Também form apreendidos caderno com contabilidade da traficância, balança de precisão e telefone celular.

LEVARAM FUMO!

Apesar de negarem o crime, sendo que um deles afirmou que cultiva a maconha para fins medicinais, ambos foram autuados e indiciados tráfico de drogas. Se condenados, poderão pegar de 5 a 15 anos de cadeia.

As investigações prosseguem. “A investigação ainda tem a evoluir, inclusive com e relação à comercialização da droga produzida”, comentou o delegado.

 

🚒 Curta nossa página no Facebook, siga-nos, e fique por dentro das principais notícias policiais de JUNDIAÍ e Região. Acesse: https://www.facebook.com/jvregional

🚑 Polícia, agora, é com o JV POLÍCIA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com