Home / Economia / Gestão inovadora de Jundiaí é apresentada na Universidade de São Paulo (USP)

Gestão inovadora de Jundiaí é apresentada na Universidade de São Paulo (USP)

Na quinta-feira (20), o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi, apresentou o modelo de gestão de Jundiaí, implementado pelo prefeito Luiz Fernando Machado em 2017, para estudantes do curso de Gestão de Políticas Públicas da Universidade de São Paulo (USP). A apresentação foi feita para cerca de 50 alunos na disciplina eletiva “Poder Local e Gestão de Políticas Públicas, no campou da USP Leste, em São Paulo.

O programa da Universidade é composto por 15 aulas e, na noite do dia 20, teve como tema “Experiências Inovadoras de fortalecimento da democracia local”. Na avaliação do Professor Fernando Coelho, da USP, a experiência de Jundiaí de implementar um novo conceito de gestão por plataformas inova a administração pública brasileira. “A estrutura de planejamento, avaliação e controle utilizada dialoga de forma coerente com as teorias e conceitos que os alunos viram ao longo das outras aulas teóricas na disciplina”.

Para o gestor, o convite reflete o sucesso da gestão por plataformas idealizado pelo prefeito. “Desde o início do mandato, nosso foco tem sido planejar e entregar serviços públicos com mais qualidade ao cidadão jundiaiense e o modelo de gestão adotado facilita esse propósito, pois a atuação da administração municipal passou a ser feita de forma integrada. As políticas públicas passaram a ser executadas de forma intersetorial, a máquina ficou mais enxuta e o governo mais eficiente, com os recursos públicos sendo utilizados na ponta, onde o cidadão precisa desses serviços”, destacou Parimoschi.

O modelo inovador de gestão adotado em Jundiaí no início de 2017 pela administração vem sendo reconhecido por várias instituições de renome no País. No início deste ano, representantes da Fundação Lemann, que apoia projetos inovadores em educação e realiza pesquisas para embasar políticas públicas, estiveram no Paço Municipal e destacaram o ineditismo da medida. A Fundação Konrad Adenauer, junto com a Oficina Municipal, após conhecer o modelo, promoveu um seminário para levar a conhecimento de prefeitos e gestores municipais a nova estrutura de planejamento e gestão de Jundiaí.

As plataformas promovem uma gestão integrada dos projetos e programas municipais. Entre vários outros pontos positivos, a mudança gera economia de recursos, como por exemplo, os R$ 9 milhões por ano conquistados a partir da redução dos cargos comissionados. “Essa quantia representa R$ 36 milhões no mandato, que serão utilizados para melhorar os serviços de saúde do município, por exemplo. Esta e outras economias é que permitiram a recuperação das finanças do município e, a partir de agora, a nossa meta é melhorar os investimentos nos serviços de que os cidadãos mais precisam como saúde, educação, transporte e segurança”, destacou o prefeito Luiz Fernando Machado.

Leia também

R$ 2,4 bi para a Educação de Jundiaí nos próximos quatro anos

A partir do Plano Plurianual (PPA) 2022 – 2025, Jundiaí projeta investir R$ 2,4 bilhões …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com