Home / Brasil / INSS ‘Prorroga Prova’ de vida para aposentados e Pensionistas até dia 28 de fevereiro

INSS ‘Prorroga Prova’ de vida para aposentados e Pensionistas até dia 28 de fevereiro

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prorrogou o prazo para recadastramento de senha, a Prova de Vida até dia 28 de fevereiro. Assim, aposentados e pensionistas terão mais tempo para se organizarem e, por fim, realizarem a renovação de senha nas instituições financeiras. Este procedimento operacional é também conhecido como Prova de Vida, e tem o fim de conferir e validar os dados dos beneficiários do INSS, garantindo o pagamento de seus direitos.

Com adesão moderada, o prazo foi prorrogado, e a Febraban (Federação Brasileira de Bancos) resolveu ajudar na matéria, vindo a público explicar como se realiza o procedimento, lembrando que é preciso ficar atento aos alertas de convocação dos bancos.

Segundo o INSS ainda faltam 4,5 milhões de pessoas, dentre os 31,2 milhões de beneficiários ativos da Previdência Social, que devem realizar o procedimento de validação de senha. Segundo Walter de Faria, diretor adjunto de operações da Febraban, “os bancos investiram e empenharam todos os esforços para que o processo transcorra de forma organizada, sem causar transtorno à população”.

Conforme informes da Febraban, a renovação de senha, ou fé de vida, é feita diretamente no banco em que o segurado recebe o dinheiro. Isso facilita a vida do cidadão. “O processo já está organizado entre os bancos. Por exemplo, se o beneficiário do INSS recebe no dia 10, ele terá que realizar a prova de vida no dia 10 ou a partir do momento que o Banco disponibilizar este procedimento”, ressalta Walter.

 

Quando o beneficiário do INSS vai até sua agência bancária para receber o benefício ou mesmo utilizar os caixas eletrônicos para efetuar saques, receberá, de imediato, um aviso da instituição financeira alertando sobre o recadastramento.  “O aviso do banco pode vir numa mensagem no extrato bancário, ou no momento do saque através do cartão. Mas certamente o banco fará comunicação com os beneficiários que estão próximos de completar um ano para realizar a prova de vida”, diz o diretor adjunto de operações da entidade.

Depois do alerta, o aposentado ou pensionista deverá comparecer ao banco onde seu pagamento é efetuado para proceder a validação da senha. O beneficiário que for correntista do banco onde recebe o benefício também poderá realizar o procedimento nos canais eletrônicos, como os caixas eletrônicos, no internet banking e até mesmo por biometria, caso o banco ofereça o serviço.

Leia também

Festival Gastronômico é destaque na programação de férias em Campo Limpo Paulista

A Secretaria de Cultura e Turismo preparou uma grande atração para o mês de julho …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com