Home / Destaque / Moradores da Vila Real demonstram gratidão e comemoram obras no bairro

Moradores da Vila Real demonstram gratidão e comemoram obras no bairro

Munícipes elogiam chegada do pavimento e se mostram otimistas com o novo aspecto que as vias passam a ter, graças aos trabalhos de reurbanização

Os diversos trabalhos de reurbanização da Vila Real representam mais do que meros serviços estruturais. Vários moradores de locais com benfeitorias em andamento fazem questão de expressar a alegria de verem suas ruas receberem melhorias como pavimento e guias. No entender desses munícipes, os avanços significam o atendimento a antigas demandas do bairro e a chegada de novas perspectivas, com melhores condições de tráfego e mais qualidade de vida.

Migrantes contentes

Bastante íngreme, a Rua Assunção, que já conta com 40% dos trabalhos de pavimentação e drenagem feitos, tem muitos moradores migrantes de vários estados brasileiros. Uma das mais animadas com as melhorias históricas na via é a paranaense Carmem Torres, 52 anos. Vinda da cidade de Maringá, a dona de casa mora no local há 15 anos e vive no bairro desde 1985. Ela tomou a iniciativa de comprar um caminhão de concreto e lançá-lo sobre a via em 2006, para que os moradores conseguissem ao menos trafegar a pé pela área com mais segurança. “Antes de fazer essa concretagem, era feio aqui. Havia crateras. Aí eu optei por jogar esse concreto na rua e outros moradores completaram um pouco o trabalho, em áreas próximas às suas casas, mas ainda não era a situação realmente esperada”, conta.

Quando a via, que ganhou ligações de esgoto há três meses, começou a receber pavimento, há algumas semanas, o espaço ganhou um novo horizonte, segundo a satisfeita moradora. “Essa nova pavimentação realmente nos dá muitas vantagens, não só para a vinda de carros, mas também para caminharmos a pé. O pessoal todo está animado, inclusive para fazer as calçadas”, afirma Carmem. “Nem terminou e já está bom”, comemora.

Amara Estevam, 59 anos, é outra moradora da Rua Assunção bastante contente com as benfeitorias no espaço. Vinda de Maceió, a alagoana reside no local há 20 anos. “Antes não descia nem ambulância aqui, mesmo com o concreto existente anteriormente”. A copeira aposentada afirmou que as mudanças são históricas. “Faz muito tempo que estamos esperando esse trabalho”.

Transformação

Desde o início de março, a Prefeitura gerencia intervenções históricas em vários pontos do bairro que poderão permitir a regularização fundiária de suas construções. Diversas vias recebem trabalhos de pavimentação e drenagem. O pavimento (última etapa da reurbanização de cada via) já foi concluído em três Ruas: Jataí, Campo Mourão e Cardeal.

A canalização parcial do córrego da Rua Ilha Bela deve ser concluída em um mês e há outros trabalhos de drenagem significativos dentro do grande pacote de obras contratado, como a escada hidráulica da Rua Gardenias, já terminada. O acordo com a construtora, assinado em 25 de janeiro, prevê, entre outras ações, pavimentação e drenagem em 36 vias, quatro muros de arrimo e nove escadas hidráulicas. O valor total para essa etapa da reurbanização é de R$  9.164.234,87, resultante de um contrato do PAC (Plano de Aceleração do Crescimento) – Governo Federal.

População fala da transformação do bairro

montagem

Severina Maria da Silva Lima, 47 anos, é moradora da Vila Real há 37 anos e, desde 2003, vive na Rua Pongaí, onde estão sendo construídas as guias e a pavimentação deve ser finalizada até o final da semana que vem. A dona de casa fez questão de mostrar seu contentamento com as benfeitorias que o espaço tem recebido. “Isso está sendo uma maravilha, algo muito bom para nós, moradores. Esperávamos isso há muitos anos e agora está se concretizando”, comemora.

A participação popular será muito importante, na avaliação da moradora, para a manutenção das boas condições do local. “Espero que cada um faça sua calçada e coloque o lixo na rua, nas datas corretas. A Prefeitura está fazendo a parte dela e agora precisamos fazer a nossa”.

Severina espera um dia poder fazer inclusive o pagamento dos impostos, inclusive, quando for possível regularizar as ruas do bairro. “Só temos a agradecer. Faz tempo que esperamos essas melhorias e tudo está ficando maravilhoso”, conclui.

Ivan José, 37 anos, que reside na via há mais de 10 anos, com a mãe e o pai, destaca a importância da conquista em curso. “Com a via pavimentada, será possível que a ambulância entre aqui e, assim, poderemos socorrer quem precisar da forma adequada. Com o espaço pavimentado e a construção das guias, não entrará mais poeira do chão de terra em nossas casas, o que às vezes causa até problemas respiratórios. Essas mudanças deixarão todo mundo satisfeito”, declara.

 

 

 

Leia também

Caminhoneiros recebem orientação sobre risco de dirigir com sono ou cansado

Com o objetivo de alertar os caminhoneiros que trafegam pelas rodovias sobre os riscos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com