Home / Destaque / Rápido Luxo intensifica a fiscalização sobre o uso de cartões para coibir fraudes

Rápido Luxo intensifica a fiscalização sobre o uso de cartões para coibir fraudes

A empresa vem aumentando a fiscalização sobre o uso indevido de cartões em Campo Limpo Paulista. Inclusive, já formalizou denuncia junto à Polícia Civil sobre fraudes e outras irregularidades encontradas durante as fiscalizações.

Segundo dados da empresa, o número de gratuidades no município de Campo Limpo Paulista, no setor de transporte coletivo, hoje é de cerca de 25%. Isso significa dizer que, um quarto da população usuária do serviço não paga pelo mesmo. E esse número vem crescendo, o que levou a Rápido Luxo Campinas a colocar um fiscal na catraca do terminal e, dessa forma conseguiu comprovar as fraudes e desvios de uso nas gratuidades. Diante da constatação lavrou um Boletim de Ocorrência para que a Polícia Civil faça as investigações necessárias e tome as providências cabíveis.

A empresa destaca que os cartões de benefícios, sejam eles o Jovem 21, que concede 70% em relação à tarifa vigente de R$ 4,30, o Escolar, que dá desconto de 50%, e os cartões Idoso e Deficiente, que concedem 100% de gratuidade, são pessoais e intransferíveis. Portanto, não podem ser usados por terceiros ou parente e também não podem ser vendidos a golpistas e cambistas. O uso indevido desses cartões, que está se tornando cada vez mais comum em Campo Limpo, acarreta prejuízos aos demais usuários, pois influencia diretamente no cálculo da tarifa, prejudica investimentos em renovação de frota e, por último, em melhorias na prestação de serviços.

Um dos casos que mais preocupa a concessionária é o denominado cartão Jovem 21, um cartão que concede desconto de 70% sobre o valor da tarifa e o beneficiário paga apenas R$ 1,29 por viagem.  Para obtê-lo é extremamente simples: basta a pessoa ter menos que 21 anos, apresentar comprovante de residência e a carteira de trabalho para comprovar que está desempregado. Ou seja, hoje, qualquer pessoa nessas condições pode pedir um cartão Jovem 21, emprestá-lo ou vendê-lo a um terceiro, o que configura o desvio de uso e, consequentemente, prejudica os demais usuários e pagantes da tarifa.

Leia também

covid

Jundiaí registra quatro óbitos por Covid-19 nesta quinta (23)

A Prefeitura de Jundiaí informou que registrou nesta quinta-feira (23), mais quatro mortes pela doença. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com