Home / Região / Vigilância Sanitária fecha clínica de repouso em Jundiaí após encontrar irregularidades

Vigilância Sanitária fecha clínica de repouso em Jundiaí após encontrar irregularidades

A Vigilância Sanitária interditou, nesta terça-feira (9), uma clínica de idosos localizada no bairro dos Fernandes, em Jundiaí (SP). A clínica funcionava há cerca de um ano e tinha irregularidades com documentação, alimentação e espaço inadequado.

Segundo a Prefeitura de Jundiaí, o local abrigava 13 idosos, mas não tinha licença de funcionamento. Os parentes dos idosos ficaram inconformados quando descobriram o tratamento que eles estavam recebendo dentro do local.

Na última inspeção feita pela Vigilância Sanitária foram encontrados diversos problemas relacionados a falta de documentação, condições inadequadas de espaço e de alimentação. Quando procurada para falar sobre o assunto, a dona da clínica não quis falar sobre o assunto.

Uma mulher, que não quis se identificar, tinha uma parente internada no local. Ela contou que há algum tempo a família já percebia mudanças no comportamento da idosa.

“Sentimos que ela estava desprezada e abandonada nessa clínica, porque toda vez que os familiares iam visitar ela estava como se estivesse dopada”, alega.

A mulher ainda disse que a idosa não andava mais e, sempre que iam visitá-la, estava em uma cadeira de rodas.

Assim que a família foi avisada que a clínica estava fechando, foi até o local buscar a idosa e a encontrou com diversas marcas no corpo, que supostamente teriam sido provocadas por agressão. Os ferimentos mais graves estavam nos pés.

A família registrou um boletim de ocorrência para denunciar os maus-tratos. “Eles não foram, em nenhum momento, transparentes com o que estava acontecendo em relação à minha avó”, reclama.

“Eles sempre falaram que ela se alimentava e que era apenas um machucadinho, mas o tamanho da proporção a gente não tinha noção”, diz.

A Prefeitura de Jundiaí informou que a dona da clínica pode pedir a liberação do local assim que fizer as adequações necessárias e solicitar o licenciamento.

(Fonte: G1)

Leia também

Campo Limpo Paulista: Trabalho de manutenção não para

Desde janeiro, quando teve início a gestão municipal, os trabalhos de manutenção da cidade foram …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com