Home / Destaque / Vila Real tem asfaltamentos iniciados e diversos trabalhos em andamento

Vila Real tem asfaltamentos iniciados e diversos trabalhos em andamento

A Vila Real teve mais uma importante etapa das várias obras de sua reurbanização iniciada na manhã desta quinta-feira (18): a pavimentação da Rua Jataí e de um trecho da Avenida Tanabi. A fase, gerenciada pela Prefeitura de Várzea Paulista, permitirá um fluxo mais seguro de carros pelas vias, com a conclusão do trabalho, em alguns dias.

Na Rua Jataí, foram lançados 304,6 m² de asfalto – equivalentes a aproximadamente 100 metros lineares da via, que também já tem guias executadas -; e um trecho de aproximadamente 200 metros lineares da Avenida Tanabi foi pavimentado, em uma área total asfaltada de 728,40 m².

Para o prefeito Juvenal Rossi, ver o bairro com mais uma conquista é gratificante. “Nossa administração lutou muito por esse novo passo. O povo da Vila Real merece e vivencia o começo de uma verdadeira transformação”, celebra.

 

 

Escadas hidráulicas

Existem duas escadas hidráulicas em construção, em pontos distintos: Rua Assunção e espaço entre as Ruas Terra Roxa e Franca.

Segundo o gestor de Infraestrutura Urbana, Renato Germano, as construções têm um papel muito importante. “Essas estruturas permitirão que as águas das chuvas sejam escoadas aos locais adequados e evitarão o desgaste do pavimento”, explica.

Na última quarta-feira (10), também foi concluída a execução de um tubo de drenagem que cumpre um papel semelhante, na Rua Gardênia.

 

Canalização parcial

A instalação de novos dispositivos de drenagem de águas das chuvas, no Córrego da Rua Ilha Bela, também avança. Já foram colocados 97 canais de escoamento de 4 m de largura por 1,5 m de altura, que permitem uma vazão aproximadamente quatro vezes maior que a da canalização existente anteriormente. Com a intervenção da CPFL nesta semana, para o realinhamento dos postes existentes na via, o trabalho está sendo retomado. Faltam 8 aduelas, para totalizar as 202 metros de canalização fechada previstos, divididos em duas fileiras, em um total de 101 metros lineares.

Também já está sendo feita, em paralelo, a canalização aberta, a partir da transição do trecho fechado para ela em concreto armado, que será construída ao final da estrutura fechada. Já está sendo concretado o piso entre as 24 aduelas separadas em duas fileiras. O projeto prevê a instalação de 150 aduelas, em 75 metros lineares da construção aberta para o escoamento do volume gerado pelas chuvas.

 

Vias começam a ganhar cara nova

A Rua Cardeal já tem o sistema de drenagem de águas pluviais concluído e está recebendo guias laterais, para a concretagem que deverá ser feita na próxima semana, se o tempo permitir; a Rua Gardênias tem trabalhos de drenagem em execução, que estão sendo finalizados na Rua Flórida.

A Rua Campo Mourão deve ter as intervenções de drenagem concluídas nesta semana e, na semana que vem, deve passar a receber pavimento, se o tempo permitir.

A Travessa Franca e a Rua Franca devem ter o sistema de drenagem pronto na próxima semana e a Rua Alto da Boa Vista começa a receber esses trabalhos na semana que vem.

 

Boas expectativas

Maria Rodrigues mora na Rua Assunção há quase 30 anos e já vê progressos no local. No ano passado, sua casa passou a ter rede de esgoto e ela já espera, otimista, a pavimentação da via, para a melhoria das condições de tráfego de pessoas e veículos. “A obra está caminhando bem e a tendência é de que o bairro melhore”, opina.

 

Primeira etapa

O primeiro pacote de ações de pavimentação e drenagem inclui a Avenida Tanabi; Ruas Jataí, Franca, Cardeal, Campo Mourão e Flórida; e a Travessa Franca. A previsão de término dessa fase é até agosto deste ano. Será feita a pavimentação de 2.294 m², com um  investimento feito será de R$ 1.135.224,13.

A segunda parte desses trabalhos, já em andamento, consiste nos mesmos trabalhos nas vias: Rua Gardênias; Rua Pongaí; Travessa Pongaí; Ruas Terra Roxa I, II e III; Travessa Gardênias; e Rua Alto da Boa Vista. Serão pavimentados   2.616,55 m². O gasto estimado para o cumprimento desse pacote é de R$ 843.270,01.

O investimento total para a canalização parcial do córrego será de R$ 1.929.945,60 e o tempo estimado para o término da obra é de 12 meses.

As escadas hidráulicas serão executadas pela construtora, ao longo dos próximos meses, em ordem a ser definida pela viabilidade técnica e de acordo com o andamento das demais obras de drenagem e das pavimentações.

Os recursos são provenientes de um convênio com o Governo Federal.

 

Leia também

Com 116 mil doses aplicadas, vacinação em Jundiaí segue sem interrupção, com organização e planejamento

A vacinação contra a COVID-19 em Jundiaí teve início em 21 de janeiro. Desde então, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com